FANDOM


Íconedeera-AC4

Um Único Louco foi uma representação virtual de uma das memórias genéticas de Edward Kenway, revividas por um Analista de pesquisa da Abstergo Entertainment usando o Animus Ômega.

DescriçãoEditar

Edward decidiu assassinar o capitão Julien du Casse, dar o navio dele aos piratas de Nassau e adquirir a ilha dele para si mesmo.

Editar

Edward deu um discurso para sua tripulação abordo do Gralha.

  • Edward: Cavalheiros! Como é de costume entre nosso povo, nos não pulamos de cabeça sob as ordens de um único louco, em vez disso, agimos de acordo com nossa própria loucura coletiva!
  • Tripulação: (Grito, Aplausos)
  • Edward: O objeto da nossa atenção é um galeão de vela quadrada e o queremos pela vantagem que trará a Nassau. Então colocarei em votação... Todos em favor de invadir essa enseada e pegar o navio, batam os pés e digam "sim!".
  • Tripulação: Sim!
  • Edward: Aqueles que se opõem... chorem "não".

Edward então se voltou para Edward Thatch e James Kidd.

  • Edward: O conselho do rei nunca foi tão unificado.

Edward deixou o Gralha e adentrou a selva.

  • Soldado: Tu acertaste alguma coisa? Consegues ver?
  • Oficial: Se estás tão curioso, por que não vai olhar?

Edward alcançou uma pequena vila pesqueira no outro lado da ilha, onde o galeão de Du Casse estava atracado.

  • Du Casse: Ânimo, rapazes! Eh oh, fiquem alertas! Velocidade homens, mais rápido!

Edward escalou o galeão de Du Casse e o esfaqueou, usando sua Lâmina Oculta.

  • Edward: Tu te lembras do presente que me deste? Bom, ele responde bem.

Edward mostrou a Lâmina Oculta à Du Casse.

  • Du Casse: Seu filho da puta! Tão corajoso como um tiro de mosquete, mas bem menos afiado.
  • Edward: Sinto muito por isso amigo. Mas não posso correr o risco de tu avisares teus amigos Templários que eu continuo de pé.
  • Du Casse: Tenho pena de ti, bucaneiro. Depois de tudo que viste, depois de tudo que mostramos sobre nossa ordem, tu ainda abraças a vida de um bandido ignorante e sem rumo.

Edward pegou uma chave presa no colar de Du Casse.

  • Edward: O que é isso?
  • Du Casse: Um simples furto é o limite da tua ambição? Tua mente não é capaz de compreender a extensão da nossa? Todos os impérios da Terra, abolidos! Um mundo livre e aberto, sem parasitas como tu! Que o inferno que encontrares seja do teu próprio feitio.

Du Casse sucumbiu à seus ferimentos, e o Gralha entrou na enseada.

  • Edward: A enseada é nossa!
  • Tripulação: (Comemoração)

ResultadoEditar

Edward assassinou Du Casse e pegou a ilha de Grande Inagua como prêmio.

ReferênciasEditar