FANDOM


Íconedeera-AC2Íconedeera-DiscoveryÍconedeera-BrotherhoodÍconedeera-Project LegacyÍconedeera-MemoriesDYLEra-ACiÍconedeera-RenascençaÍconedeera-IrmandadeÍconedeera-Quadrinho FrancêsÍconedeera-LineageÍconedeera-Ascendance

BoF 5

Reunião dos Templários Italianos em Veneza

O Rito Italiano da Ordem dos Templários foi uma das maiores sub-facções da Ordem dos Templários, e uma das mais poderosas e lembradas, localizada na Itália e controlado pela poderosa família Bórgia durante a Renascença. Através de conexões políticas e da nobreza, estes Templários estiveram no controle de Roma por muito tempo e tinham bastante influência nas cidades de Florença, Veneza e Milão, entre outras. O objetivo primário deste grupo era unir a Itália em uma só bandeira: A Cruz Templária; através de conspirações para derrubar os governantes das cidades e colocarem-se em seus lugares.

Embora tenha sido lembrado pelos Templários atuais como uma facção poderosa e eficiente, os ideais do Rito Italiano sofriam desprezo de Templários posteriores, considerando este Rito um grupo de traíras, gananciosas e desleais que faziam tudo por eles mesmo, e não pelos ideais Templários.

O Rito Italiano Bórgia foi dissolvido pelo Mestre Assassino Ezio Auditore da Firenze e a restaurada Irmandade dos Assassinos, que impediram conspirações Templárias em Florença, Veneza e Milão, e então destruíram o núcleo Templário em Roma, assassinando a maioria de sua liderança e conexões. Com o passar do tempo, o Rito foi se recuperando, e pelo menos até a Revolução Francesa, já tinham influência considerável.

MembrosEditar

LiderançaEditar

Templários RomanosEditar

Templários VenezianosEditar

Templários FlorentinosEditar

Templários MilanesesEditar

Templários da RomanhaEditar