FANDOM


Íconedeera-Brotherhood.pngÍconedeera-Project Legacy.pngÍconedeera-Recollection.pngÍconedeera-Templários.png

Logopequenodawikipédia.png
"É melhor morrer iluminado do que viver na ignorância."
―Nicolau Copérnico.[src]
Nicolau Copérnico
Nicolau Copérnicotrans.png
Informações biológicas
Nasceu em

19 de fevereiro de 1473
Toruń, Prússia Real, Reino da Polônia

Morreu em

24 de maio de 1543 (aos 70 anos)
Frombork, Principado-Bispado de Vármia, Prússia Real, Reino da Polônia

Informações políticas
Afiliações

Templários
Assassinos

Informações do mundo real
Aparece em

Assassin's Creed: Brotherhood
Assassin's Creed: Project Legacy
Assassin's Creed: Recollection

Dublador

Vince Benvenuto

Nicolau Copérnico (1473 – 1543), também conhecido como Niccolò Copernico, foi um astrônomo, matemático e padre da Renascença. Ele foi a primeira pessoa a apresentar um modelo correto do heliocentrismo.

BiografiaEditar

Copérnico era o caçula dos quatro filhos. Como seu irmão, que se tornou um padre, e sua irmã, que se tornou uma freira, Copérnico se matriculou em uma formação humanista para se tornar um padre, estudando Aristóteles, Ptolomeu e outros na Universidade de Cracóvia. Depois de se formar, Copérnico esperou ser nomeado como um clérigo em Vármia, mas viajou para a Itália para estudar Direito primeiro.

Enquanto aprendia na Itália, Copérnico descobriu que preferia assistir a palestras de Ciências Humanas e descobriu sua paixão, a astronomia. Seu mentor foi Domenico Maria Novara da Ferrara. Em 1500, Copérnico visitou o Vaticano, onde foi apresentado à Ordem dos Templários. Ao se juntar a eles, ele mais tarde disse que eles o queriam para manter suas descobertas em segredo.

Um dia depois, porém, ele iluminou o público sobre a ciência e a matemática no O Campidoglio, encorajando-os a questionar os ensinamentos do passado, já que ele não conseguia manter suas conclusões para si mesmo. Ele passou a insistir o público a visitá-lo, ou visitar seus colegas estudiosos se quisessem saber mais.[1]

Assim que os Bórgia – a casa líder na Ordem dos Templários – ouviram falar disso, eles enviaram seus guardas para matar Copérnico e outros eruditos. O Assassino Ezio Auditore da Firenze observava a cena se desenrolar e, ao perceber seu inimigo comum, veio em auxílio de Copérnico.[1]

Copérnico admitiu suas afiliações aos Templários para Ezio, embora este último estivesse disposto a ajudar Copérnico a chegar a um local seguro. Ao chegar em um edifício isolado no Bairro Antico, Copérnico pediu a Ezio para entregar alguns documentos para seus colegas eruditos, que poderia informá-los sobre o perigo em que estavam. Embora duvidoso se poderia confiar nele, Ezio concordou, e ajudou a maioria dos eruditos a irem para um esconderijo.[1]

O Assassino voltou algum tempo depois, e então, Copérnico havia concluído que o Mestre do Palácio Sagrado, estava muito provavelmente por trás da trama para matá-lo. Ezio procurou o Mestre e ouviu dele que haviam cinco carrascos que andavam em torno de Roma, procurando por eruditos. Ezio correu para sabotar esses carrascos, e voltou a Copérnico com a confirmação de que sua suspeita estava correta.[1]

Copérnico, no entanto, foi persistente em sair para o exterior para estudar um eclipse lunar. O Mestre do Palácio Sagrado aproveitou essa oportunidade, e enviou um Guarda do Papa para matá-lo. Ezio seguiu e matou o Mestre do Palácio Sagrado antes de retornar a Copérnico, com quem derrubou os agressores. A dupla então seguiu caminhos separados, com Copérnico ficando para trás para estudar o eclipse.[1]

Seguindo seu encontro, Copérnico tornou-se um aliado da Ordem dos Assassinos, e foi ajudado em Estudos Astronômicos com Novara através da proteção da Ordem, com uma instância incluindo os Assassinos Francesco Vecellio e Cipriano Enu.[2]

Copérnico deixou Roma um ano depois, e solicitou uma prorrogação de sua educação no exterior para aprender Medicina em Pádua. Enquanto estava lá, ele aprendeu grego, adicionando um quarto idioma à lista daqueles em que ele era fluente, depois o polonês, o alemão e o latim.

Em 1503, Copérnico voltou para a Prússia e trabalhou como secretário de seu tio, Lucas Watzenrode, o bispo de Vármia. Em seu tempo livre, prosseguiu os seus interesses astronômicos, elaborando sua teoria heliocêntrica e observando o céu à noite. Suas teorias não foram publicadas até pouco antes de sua morte em 1543.

GaleriaEditar

ReferênciasEditar

Interferência de bloqueador de anúncios detectada!


A Wikia é um site grátis que ganha dinheiro com publicidade. Nós temos uma experiência modificada para leitores usando bloqueadores de anúncios

A Wikia não é acessível se você fez outras modificações. Remova o bloqueador de anúncios personalizado para que a página carregue como esperado.

Também no FANDOM

Wiki aleatória