FANDOM


"Nós temos cortesãs trabalhando para nós em um bordel frequentado por cardeais e outros romanos importantes, mas a Madame lá é preguiçosa e prefere frequentar festas do que nos ajudar."
Nicolau Maquiavel, sobre Solari e o bordel.
NAR 4

Um membro dos Cento Occhi matando Solari.

Madame Solari (desconhecido - 1500) foi a Madame do Rosa in Fiore, um notório bordel em Roma.

Ela era conhecida por fazer suas cortesãs fazer "qualquer coisa necessária" para ganhar a preferência dos frequentadores delas. Mesmo parecendo um bordel de boa qualidade para seus frequentadores, o bordel estava na verdade uma bagunça e não estava sendo bem cuidado por Solari.

Solari não ligava muito para suas garotas, apenas ligando para a qualidade de vida dela e de seu irmão Santino. Um dia, ela chegou à até tentar entrar no comércio de escravos, atraindo a atenção de César Bórgia, cujos agentes já dominavam o mercado de escravos em Roma. Em troca de sua sobrevivência, Solari deu Fiora à César.

Por algum tempo, Solari aliou-se aos Assassinos e providenciou os serviços e informações de suas cortesãs à eles, mas logo tornou-se preguiçosa, apenas ligando em participar de festas ao invés de melhorar a condição do bordel e de suas garotas. Ela também secretamente começou a aceitar dinheiro de Templários em troca de dinheiro.

Em 1500, Solari foi sequestrada por membros do Cento Occhi, contratados pelos Bórgia. Ao serem aproximados pelo Mestre Assassino Ezio Auditore da Firenze, que os ofereceu dinheiro em troca da libertação de Solari, os Cento Occhi revelaram suas verdadeiras intenções ao cortarem a garganta de Solari e tentarem atacar Ezio.

ReferênciasEditar

Interferência de bloqueador de anúncios detectada!


A Wikia é um site grátis que ganha dinheiro com publicidade. Nós temos uma experiência modificada para leitores usando bloqueadores de anúncios

A Wikia não é acessível se você fez outras modificações. Remova o bloqueador de anúncios personalizado para que a página carregue como esperado.

Também no FANDOM

Wiki aleatória