FANDOM


Íconedeera-BrotherhoodÍconedeera-RevelationsÍconedeera-AC3Íconedeera-RogueÍconedeera-A QuedaÍconedeera-A CorrenteEra-ACiÍconedeera-AssassinosÍconedeera-AbstergoÍconedeera-TempláriosÍconedeera-emdestaque

"It feels like there's something coiled like a snake deep inside of me, and it's waiting to get out..."
―Daniel Cross, 1998.[src]

Daniel Cross (Daniel Cruz, em português; 1974 – 2012) foi um membro da Ordem dos Templários, e um agente dormente encarregado da infiltração da Irmandade dos Assassinos, a fim de assassinar seu Mentor. Um ex-presidiário e viciado em drogas e álcool em recuperação, Daniel era o neto de Innokenti Orelov, e o bisneto de Nikolai Orelov, um membro proeminente da Irmandade dos Assassinos russa.

BiografiaEditar

Primeiros passosEditar

Daniel cros

Quando criança, ele era uma cobaia, mais especificamente o Subject 4, das Industrias Abstergo no qual foi colocado no animus por um longo tempo, e sendo alimentado por uma espécie de cordão umbilical e viu as memórias de seu antepassado Nikolai. Também foi colocado algo em sua cabeça, o programaram para que se infiltrasse nos assassinos, como ja estava destinado por sua linhagem sanguinea, e desse suas localizações para os templários.

Logo após isso ele é jogado na rua, e é encontrado por um casal de fazendeiros. Tempos depois ele se torna um viciado e um criminoso, pois suas visões o deixavam violento, chegando, segundo o que a história aparentou, a matar sua namorada. Assim o tribunal lhe ordenou um psiquiatra que lhe receita remédios mas logo depois Daniel joga a receita no lixo.

Na AdolescênciaEditar

Ele vai para um bar onde bebe, e começam a ver as alucinações, ele vomita e as tem. Quando terminam ele ainda está nervoso, e começa a gritar com um homem dizendo que é um templário, até que Hannah Mueller o impede de matar o homem, e o leva para um acampamento.

No dia seguinte, Daniel acorda e vê Hannah, ela faz algumas perguntas para Daniel, e o leva para fora do chalé. Pouco depois Hannah leva ele ate Bellamy, o lider do acampamento dos assassinos, e o faz perguntas, e então ele começa a reviver memórias outra vez.

Descoberta dos AssassinosEditar

Mais tarde, Hannah vai levar comida para Daniel, mas quando entra em seu quarto ela o encontra todo destruido e ele pedindo e lamentando, pois ele precisa ir ao seu apartamento para pegar seus remédios. Apesar de recuar um pouco ela concorda em ajudá-lo a chegar ao seu apartamento.

Chegando lá, eles encontram o remédio, só que o frasco está vazio. Hannah tenta confortá-lo dizendo sobre como os assassinos trabalham, e como poderiam ajudar ele. Diz também sobre política, como estavam envolvidos e como queriam que o "cara deles" ganhasse.

Logo depois Daniel tem algumas visões e faz um desenho na janela, Hannah o reconhece, mas antes que pudessem voltar Bellamy, ele entra no quarto, dizendo que Bill Miles descobriu que ele era descendente de outros assassinos. Logo depois Daniel volta a ter as visões e sai correndo pelos telhados, Bellamy e Hannah correm atrás dele, mas ele conseguia ser mais rápido, ainda mais com as visões na sua cabeça, e com
Img005

Daniel desenhando na janela.

as habilidades de seu ancestral o ajudando. Pulando de telhado em telhado eles o seguem, até que no final Daniel quase desmaia e diz a Hannah que sabe o que tinha que fazer, encontrar o mentor.

Depois Daniel tirou os pircens e viajou pelo mundo para os esconderijos dos Assassinos para procurar O mentor depois ele conversa com Hannah, ela diz que está meio incomodada por quê nunca viu O mentor, Daniel responde que talvez ele esteja o testando e é bom continuar depois de uma boa noite de sono.

Ele estava no banheiro lavando o rosto quando apareceram dois sequestradores mascarados, eles o tentaram sufocá-lo ele segurou um dos sequestradores pelo pescoço e de surpresa, o outro sequestrador usou uma seringa e acertou no pescoço do Daniel e desmaiou com uma visão de seu ancestral, Nikolai Orlov

O Encontro com O mentorEditar

Daniel acorda em um sofá sendo lambido por um cachorro na cabeça, uma pessoa estava em pé na sua frente
Img006

Da esquerda para a direita: O mentor, Daniel Cross, Iltani, Ezio Auditore

Daniel pergunta onde ele estáva, a pessoa diz que estava em Dubai. Daniel senta e descobre que era O mentor que ele tanto procurava. O mentor diz para ele chegar mais perto O mentor diz que "Perdoe o procedimento irregular de reunião. Na minha posição, cuidado nunca é demais." e também diz para Daniel relaxar e para contar de cem a um em Russo.

Quando ele termina de ter outra visão, O mentor diz que "As vidas de nossos ancestrais estão escritas no nosso Dna, como um livro" e leva Daniel para uma outra sala, passando por uma sala que tem duas estatuas de dois grandes assassinos. Eles chegaram a uma sala que poderia ser a bibiotéca do O mentor. Ele abriu um livro que poderia se chamar "A Determinação do Universo" de K. E. Tsiolkovsky. Depois ele abriu um armário e pegou sua Hidden Blade e a deu para o Daniel.

23

Daniel se jogando da janela do O mentor

Ele viu toda sua vida desde Sujeito 4 pela Abstergo Industries] até sua adolecência no acampamento dos assassinos. Ele sabia o que tinha que fazer. matar O mentor. Daniel tiroa a lamina da sua novíssima Hidden Blade e cortou a garganta do O mentor, ele caiu no chão, Daniel ficou muito assustado sem saber o que tinha que fazer, Daniel pulou pela janela. E então quando tocou na água ele entrou numa "Visão".

Encontro com DesmondEditar

O primeiro encontro de Cross e Desmond foi em um escritório em Manhattan, quando Desmond pega a 2° bateria da Primeira civilização.Nisso Cross obriga Desmond com uma pistola na mão a entregar a bateria mas o mesmo o desarma e foge do prédio.

Dias depois os dois se reencontram em um estádio de MMA em São Paulo, quando Cross mata um milionário e sua mulher que tinham posse da 3° bateria, quando vê Desmond ele corre em direção ao fundo do estádio no qual é surrado por Desmond e tem a bateria roubada.

MorteEditar

O último encontro deles foi na Itália, na Abstergo Industries quando Desmond foi salvar seu pai feito de refém por Warren Vidic na esperança de obter a Maça do Eden .Em sua busca Desmond esbarrou com Daniel, encurralado e apenas com uma Lâmina Oculta estava preste a morre quando Cross tem um efeito de sangramento e sai correndo, vendo a chance Desmond Persegue Daniel quando chega perto dele o esfaqueia com sua Lâmina Oculta.

Suas InformaçõesEditar

Daniel, sem saber onde ir por ele ter matado O Mentor ele não poderia voltar a nenhum dos acampamento dos Assassinos então ele foi para a Abstergo Industries e entrou em um tipo de Animus. Depois ele ajudou a entrar em esconderijos dos assassinos sendo obrigado a falar.

CuriosidadesEditar

  • Quando Daniel mata O Mentor, ele volta pela mesma estrada onde ele passou quando criança.
  • Seu primeiro nome "Daniel" significa "Sentença de Deus" ou "Juízo de Deus em hebraico.
  • Daniel tem uma tatuagem que é o símbolo dos Assassinos em seu antebraço direito, que ele alegou ter obtido porque "só achei um lance maneiro e... meio que pareceu certo.." diz Daniel.
  • Em Assassin's Creed: Revelations nos dados da Abstergo do Multiplayer Daniel está no arquivo "Fille. 0.11b \ Prj_Subject04" e "File. 0.17 \ Ins_Inner Sanctum"
  • Daniel é um dos Cinco? assassinos que mudaram de lado. As outras pessoas são:Al Mualim, Haras, Haytham Kenway, Shay Cormac e Lucy? e o Daniel. No entanto, Daniel foi o único deles que havia se juntado aos Assassinos sem saber que ele era um Templário.
  • Em Assassin'S Creed III ele é morto por Desmond Miles quando este ataca a sede das Indústrias Abstergo para salvar William Miles.

ReferênciasEditar

LogobrancodoAnimus Uma galeria de imagens está disponível para
Daniel Cross

Interferência de bloqueador de anúncios detectada!


A Wikia é um site grátis que ganha dinheiro com publicidade. Nós temos uma experiência modificada para leitores usando bloqueadores de anúncios

A Wikia não é acessível se você fez outras modificações. Remova o bloqueador de anúncios personalizado para que a página carregue como esperado.